Notícias e informações relevantes para os moradores da região noroeste da cidade de São Paulo

Bruno Covas pretende continuar obras da UPA City Jaraguá

Prefeito vai recorrer ao BID para angariar recursos

Foto: Blog Mural

Publicado às 8h

Por Cristina Braga

Prevista inicialmente para 2016, a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) City Jaraguá continua com as obras paralisadas, após dois anos de impasses, e não há, até o momento, alguma previsão de entrega. Em visita ao bairro, no último dia 29, durante a inauguração da UBS Nações Unidas/Sem Terra, o prefeito Bruno Covas
anunciou que pretende terminar a unidade no Jaraguá. “Mais uma obra que encontramos pela metade. Contudo, vamos cuidar da reivindicação que é a número um da população: saúde”, disse em entrevista à Folha Noroeste.

Covas também reiterouque pretende recorrer ao BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) para levantar
verba e concluir as obras no bairro. A nova unidade poderia beneficiar, ao menos, 100 mil pessoas. Laboratório de exames, leitos de observação, atendimento pediátrico e raio-x estão entre os serviços previstos para o local, orçado em R$ 5,7 milhões pela gestão municipal.

A promessa de construir uma UPA no bairro surgiu de uma parceria entre a Prefeitura de São Paulo e o governo federal, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Na época, outras 13 unidades seriam levantadas na capital. No primeiro semestre, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) afirmou que “dará continuidade às obras assim que a nova licitação for concluída”, mas ainda não há prazo. Segundo a pasta, a paralisação da UPA City Jaraguá ocorreu porque o contrato com a construtora responsável foi rescindido. Em 2016, a Folha Noroeste já havia noticiado que a
Construtora Massafera estava com problemas financeiros e “não poderia dar continuidade à construção da unidade”.

Deixe uma mensagem

Seu e-mail não será publicado.