Notícias e informações relevantes para os moradores da região noroeste da cidade de São Paulo

Junta Comercial ocupará prédio que foi da Estação Ciência na Lapa

Inauguração está prevista para o primeiro semestre de 2019

Prédio da antiga Estação Ciência, na Lapa. Foto: Cristina Braga

Publicado às 10h40

Por Cristina Braga

Desde que a antiga Estação Ciência fechou as portas para o público em 2013, a comunidade lapeana questionou o que seria feito daquele edifício histórico. Interditado e quase a ponto de deterioração, o prédio abrigará, em breve, a nova sede da Jucesp (Junta Comercial do Estado de São Paulo), ainda instalada na Barra Funda.

Há pouco mais de um mês, quem passa pela Rua Guaicurus já pode notar que a fachada do prédio começou a
receber limpeza e restauro. A movimentação é resultado de um acordo firmado entre a Jucesp e a Secretaria da Fazenda do Estado autorizando o uso do espaço por tempo indeterminado pela entidade, que é responsável pelos registros públicos de qualquer atividade relacionada a sociedades empresariais. Conforme o edital 001/2017, a obra foi orçada, inicialmente, em torno de R$ 17 milhões.

Localização privilegiada

A justificativa da Jucesp para ocupar a área é que o novo endereço, dentro da Lapa, facilitará o acesso do usuário até a entidade. “Nas proximidades, estão as Linhas 8-Diamante e 7-Rubi da CPTM e o Terminal Lapa de ônibus. Além disso, a estrutura do local proporcionará uma distribuição mais satisfatória dos setores da autarquia, resultando na melhoria do fluxo de processos dentro da Junta Comercial.”

As restaurações ocorreram de acordo com as normas estabelecidas pelo Conpresp (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da cidade de São Paulo), já que o prédio é tombado desde 2009, segundo a entidade. Pelo cronograma, a inauguração está prevista para o primeiro semestre de 2019.

Ainda segundo a assessoria da Jucesp, a nova sede proporcionará uma distribuição mais harmoniosa dos setores e contará com novidades como data center e um setor de digitalização mais moderno, além da instalação de iluminação de LED – equipamento sustentável que contribuirá na economia de energia. Em 2019, já passaram pela entidade 35.915 pessoas ao mês. No ano passado, foram protocolados 284.374 documentos.

Deixe uma mensagem

Seu e-mail não será publicado.