Notícias e informações relevantes para os moradores da região noroeste da cidade de São Paulo

Opinião: Fim de linha de ônibus que liga Pirituba e Barra Funda gera reclamação de leitor

Ônibus percorre as avenidas Miguel de Castro, Raimundo Pereira de Magalhães, Ermano Marchetti e Francisco Matarazzo, além de passar pelo Terminal Lapa

Foto: Luiz Fernando Maximo/Reprodução

Publicado às 11h

A Prefeitura de São Paulo anunciou em abril quais linhas de ônibus não irão mais existir em 2019. Já se existia boatos de que a linha 948A/10 (Vila Zatt – Barra Funda) iria chegar ao fim, entretanto, toda vez que esta informação era enviada à SPTrans, ela desmentiu a possibilidade.

A linha passa por três bairros: Pirituba, Lapa e Barra Funda. Ela começa na Vila Zatt e passa por importantes avenidas da região como Miguel de Castro e Raimundo Pereira de Magalhães. Em seguida ela chega à Lapa de Baixo, na Avenida Ermano Marchetti, e passa pelo Terminal Lapa. Por fim, ela prossegue para a Rua Clélia para então chegar à Avenida Francisco Matarazzo e ao Terminal Barra Funda.

Veja o texto opinião do leitor Victor Leonardo Aguiar:

O fim da linha

No dia 24 de abril, a Prefeitura de São Paulo divulgou o novo edital para concessão por 20 anos das linhas de ônibus da cidade. E o que antes era chamado pelo poder público de “fake news” se confirmou: mais de 140 linhas serão extintas com a criação de pontos de conexão, visando melhorias no sistema.

Embora a proposta possa aprimorar a rede, boa parte desses trajetos faz a diferença para os usuários. Em Pirituba, veremos o fim das linhas 978J e 8677, entre outras. Como exemplo, a linha 948A – Vila Zatt/Barra Funda, que atende vilas com poucas opções de transporte. Ela dá “suporte” a já lotada 8100 e acesso mais rápido, via corredor, ao Terminal Lapa. Porém, como o itinerário será cortado, os passageiros distribuídos ao longo da Vila Zatt
até a Avenida Raimundo Pereira de Magalhães, entre os números 4.600 e 1.720, terão como opção a superlotada 8100, cujo trajeto é ainda mais extenso até a Lapa.

Diante disso, a comunidade está promovendo um abaixo-assinado online (www.bit.ly/fi ca948A) exigindo a permanência dessa linha. Em um momento como esse, é importante que a população se mobilize para exigir o direito a um transporte público de qualidade, principalmente se a linha que será extinta deixará seus usuários sem opção.

Acredito que a Prefeitura de São Paulo tem como melhorar o sistema, mas sem cortar linhas importantes para os bairros, como a 948A, 8677 e 978J. Para isso, basta criar opções viáveis que não aumentem o tempo de trajeto ou
superlotem as demais. Se continuar assim, não vai dar certo.

Deixe uma mensagem

Seu e-mail não será publicado.