Notícias e informações relevantes para os moradores da região noroeste da cidade de São Paulo

Placa da CET no Parque São Domingos confunde moradores

Conversão à direita em direção à Rua Abrahão Lincoln dificulta a vida dos motoristas no bairro

Foto: Edson Vieira/Folha Noroeste

Publicado às 12h50

Por Cristina Braga

Quem mora no Parque São Domingos já conhece o problema. O motorista que trafega na Avenida Inácio Luís da Costa, paralela à Via Anhanguera, e deseja entrar na Rua Abrahão Lincoln é obrigado a fazer uma extensa
curva e jogar o carro à esquerda. Isso acontece porque a CET colocou uma ilha de prisma no local, uma espécie de triângulo com obstáculos, dificultando o acesso à rua, que é dividida em mão dupla e, numa pequena
parte, mão única.

A placa de “mão dupla” está alinhada no trecho entre as ruas Waltrudes Corrêa e Abraham Lincoln. Não à toa, ela está afastada da Rua Inácio Luiz da Costa: é apenas no cruzamento com esta ligação. No entanto, os motoristas ficam confusos com a sinalização. É o caso de Felipe Katayama, morador do Parque São Domingos, que todos os dias circula pela Marginal Pinheiros, passa pela Anhanguera e pega a Avenida Inácio Luís da Costa para acessar o bairro. “Entro na Abrahão Lincoln à direita, mas com esse obstáculo fi ca complicado.
Já vi acidentes acontecerem aqui; teve uma moça que bateu nessa ilha de paralelepípedos de concreto”, conta o motorista.

Foto: Edson Vieira/Folha Noroeste
Foto: Edson Vieira/Folha Noroeste

Sanderval Martins, outro morador do bairro, aponta a solução: “o que precisa ser feito é colocar a placa de ‘sentido único’ no poste logo no início da rua”. “Assim, o motorista que está na Inácio Luís da Costa terá a
exata noção do sentido”, completa.

A CET informa que a sinalização nas ruas Abraham Lincoln e Inácio Luís da Costa, no Parque São Domingos, foi alterada por ato de vandalismo. “Elaboramos projetos para manutenção da pintura de solo, com placas e outros dispositivos na Rua Abraham Lincoln, entre as ruas Teodoro Pecuolt e Inácio Luís da Costa. O projeto
atende, também, ao pedido de acessibilidade feito pelos moradores da região e será implantado de acordo com o cronograma de serviço”, disse a CET em nota.

Foto: Edson Vieira/Folha Noroeste
3 Comentários
  1. Evaldo Diga

    O problema é que quem precisa acessar o bairro vindo da Anhanguera não tem mais o acesso a rua Abraham Lincoln pela Inácio Luís da Costa, e a av. General Charles de Gaulle que seria alternativa mais segura, tem a rota invertida e também somente acessa a Inácio Luís da Costa, deixando os motoristas sem opção para acessar a avenida do Anastácio ou mesmo retornar para a marginal do Tiete !!!!

  2. Douglas Beraldo Diga

    Conforme citado no comentário anterior, é necessário que a CET reestude o projeto. Quem chega pela Av. Inácio Luis da Costa, precisa ter acesso ao bairro através da Rua Abraham Lincoln OU através da Av. General Charles De Gaulle. Duas vias “consecutivas” que atualmente não permitem o acesso a Av. do Anastácio, e ao bairro São Domingos.

  3. Luci Diga

    Acho que o mais seguro e coerente para a entrada e saída ao bairro é liberar a Av. Charles de Gaulle como mão dupla, até porque ela é uma Avenida e não uma rua e tem sentido único. Nunca vi avenida ter sentido único nas duas faixas. Assim teríamos a Rua Waltrudes Correa e a Av. Charles De Gaulle para entrar no bairro e a Rua Abraham Lincoln, com mão única, junto com a Av. Charles de Gaulle, para saída do Bairro.

Deixe uma mensagem

Seu e-mail não será publicado.